Notícias

24 d July d 2017

CANTOR CEARENSE MINISTRA CURSO GRATUITO

Com o objetivo de repassar sua experiência profissional, principalmente após o período em que esteve nos Estados Unidos em decorrência do mestrado em Canto pela Universidade do Wisconsin-Madison, o contratenor Antonio Souza, 31, retorna ao Ceará e, de hoje a sexta-feira, estará à frente da masterclass de Canto e Técnica Vocal no Conservatório de Música Alberto Nepomuceno. Com início às 14 horas, as aulas – gratuitas - já tiveram as 20 vagas preenchidas, porém os interessados ainda podem participar, desde que na função de ouvinte (100 vagas).

Natural de Fortaleza, Antonio interessou-se pelo canto desde pequeno. 

“Mas era muito tímido, só cantava no banheiro. Quando eu entrei no ensino médio, tomei coragem para entrar no coral do colégio. Ainda estava no 1º ano, e fiquei lá até o 3º. Aí, antes mesmo de terminar a graduação, entrei no Coral da UFC. Fiquei de 2004 a 2009”, relembra ele, que encontrou no estilo lírico, enfim, o seu norte. “Foi mais por uma adequação vocal e por uma questão técnica”, resume.

André Vidal, professor de música e também tenor, foi importante para Antonio nesse processo. “Não sabia encaixar a minha voz, até que o André me disse que eu tinha um grande potencial como contratenor, que é o registro mais agudo da voz masculina. Aí eu acabei desenvolvendo esse caminho”, explicou o cantor que, a partir daí, passou a estudar com afinco o repertório específico da música barroca.

“Me apaixonei por essa música, é um dos períodos que eu mais gosto e a voz funciona com esse repertório”, conta.

No Conservatório, Antônio irá trabalhar com os participantes a técnica vocal e o repertório para lírico ou popular. Para ele, no entanto, o que mais dificulta é um mercado mais comprometido com a área. “Aqui não se tem uma tradição. No meu caso, iniciei como autodidata. Formei um grupo de estudos - tinham umas 15 pessoas fixas - e li muitos livros e artigos”. 

Antes da ida aos Estados Unidos, em 2014 (apoiado pela Fundação Beto Studart de Incentivo ao Talento), Antonio já havia sido aprovado no Festival de Inverno de Campos do Jordão. “Fui na garra mesmo. Mas tive ajuda do Hamilton Carvalho, que também é contratenor e morou aqui durante uns dois anos. Foi fantástico porque eu tive aulas regulares com ele durante um ano e cinco meses”. Há dois meses de volta à terrinha, Antonio pretende não só promover mais cursos e oficinas voltadas para a música erudita, como também movimentar a cena local. “Dou aulas particulares também, mas a melhor maneira de popularizar é apresentá-la com frequência. Precisa-se de um incentivo público e de mais concertos, de início com voz e piano; na sequência, com orquestra. Só assim a gente vai conquistar o público”.

Com o objetivo de repassar sua experiência profissional, principalmente após o período em que esteve nos Estados Unidos em decorrência do mestrado em Canto pela Universidade do Wisconsin-Madison, o contratenor Antonio Souza, 31, retorna ao Ceará e, de hoje a sexta-feira, estará à frente da masterclass de Canto e Técnica Vocal no Conservatório de Música Alberto Nepomuceno. Com início às 14 horas, as aulas – gratuitas - já tiveram as 20 vagas preenchidas, porém os interessados ainda podem participar, desde que na função de ouvinte (100 vagas).

FONTE: http://mobile.opovo.com.br/jornal/vidaearte/2017/07/cantor-cearense-ministra-curso-gratuito.html


 

Notícias Relacionadas

Leia mais Notícias +

Vídeos

Nossos Talentos

A Fundação Beto Studart tem o prazer de mostrar aquilo que faz. Conheça nossos álbuns de fotografias:

Entidades Apoiadas

A Fundação Beto Studart tem o prazer de mostrar aquilo que faz. Conheça nossos álbuns de fotografias:

Álbum de Fotos

A Fundação Beto Studart tem o prazer de mostrar aquilo que faz. Conheça nossos álbuns de fotografias: